Organize seu dinheiro: Entendendo o jogo

Para começo de conversa, eu quero deixar claro qual é a minha visão sobre o jogo do dinheiro. Não sou adepto da visão de trabalhar duro para ganhar o salário do mês, pagar as contas e recomeçar tudo no mês seguinte até o dia da aposentadoria quando formos sexagenários.

A minha visão - assim como a de muita gente - é saber quanto eu preciso ter por mês para me manter e acumular um montante que gere esse valor para mim de maneira passiva. Dessa forma, poderei trabalhar somente quando, onde e em que eu quiser. Vejo isso como uma das grandes liberdades que podemos ter, já que assim não teremos que nos submeter a patrão, cliente ou qualquer outra pessoa que possa se aproveitar do fato de dependermos da quantia que ele nos pagará para sobreviver.

Em um exemplo prático. Se eu preciso de R$ 1.000,00 para viver durante um mês, eu preciso acumular ativos que gerem para mim esses mil reais sem que eu precise trabalhar. Podem ser dois apartamentos que gerem R$ 500,00 de aluguel cada ou R$ 100.000,00 investidos em um fundo de investimento que renda 1% por mês.

Para tanto, a regra é bem simples e conhecida: gaste menos do que recebe e aplique a diferença. No próximo capítulo vamos ver como fazer isso no dia-a-dia de maneira produtiva, para começarmos a ter controle sobre nossas finanças.

Fonte: fatorW
Метки: financas
Написано в 07-12-2007 18:40 | 0 Комментарии | Добавлено в Избранное 0 раз | 0 раз отмечен как неприемлемый
 

Комментарии

Войти для написания комментариев Или войдите здесь